regiaonorte.net
Sem FOTO:1

Ponte de D.Luís I

Grande Prémio na Exposição Universal de Paris de 1878.

A partir da segunda metade do sec. XIX, a cidade do Porto assistiu a um franco desenvolvimento económico devido à expansão industrial que então se operava. As fábricas localizavam-se no lado oriental da cidade, dito “brasileiro” dando origem ao crescente tráfego entre Porto e Lisboa. 

Como a ponte Pênsil deixara de dar uma resposta eficaz para a nova dinâmica citadina, o governo determinou, em 1879, a abertura de um concurso para a construção de uma ponte no mesmo local, no sentido de substituir capazmente aquela, tendo como premissa, na sua concepção, dois tabuleiros. A firma G. Eiffel et Cie. apresentou a sua proposta que seria rejeitada pelo governo porque contemplava apenas um tabuleiro à cota  da ribeira, com um sector levadiço na parte central. Embora tivesse sido considerado ineficaz em termos de resposta para a ligação entre os núcleos urbanos do Porto e Gaia, este projecto tinha merecido um Grande Prémio na Exposição Universal de Paris de 1878. 

Apresentaram-se então numerosos concorrentes e foi vencedora a proposta da empresa belga Société de Willebroeck, com a proposta do engenheiro alemão Teófilo Seyrig, que já tinha sido o autor do projecto da Ponte D. Maria Pia enquanto sócio de Gustave Eiffel. A construção da ponte D. Luís I inicia-se então em 1881 e a inauguração do tabuleiro superior acontece a 31 de Outubro de 1886 e a do tabuleiro inferior em 1888.

A estrutura da nova ponte que passou a ser, juntamente com a Torre dos Clérigos o ex libris  da cidade do Porto, pesa no seu conjunto 3.045 toneladas. Tem 395 metros de comprimento, 45 de altura e 8 de largura, sendo o seu arco ainda hoje considerado o maior arco do mundo em ferro forjado. Actualmente o tabuleiro superior é ocupado por uma das linhas do Metro do Grande Porto, ligando a área da Sé do Porto, ao Jardim do Morro e à Avenida da Républica em Vila Nova de Gaia. 

 

 



loading...



COMENTÁRIOS DOS LEITORES


Find more about Weather in Coimbra, PO
Click for weather forecast


NEWSLETTER

Subscrever a newsletter:



Sair da newsletter:

ARRENDA-SE.NET

Quartos, apartamentos, casas, etc

RECADINHOS

Últimos recadinhos dos leitores:

Congratulations for the site. It is very nice to get more informations about Portugal. A beautiful country.
Matheus Smith 2016-07-30 23:39:20


RELÓGIO

Veja que horas são no mundo

NOTÍCIAS

Jornal O PÚBLICO

Costa pediu, mas europeias nem sempre são referendo ao governo
Podem as europeias ser um referendo aos governos? Pedro Magalhães e André Freire dizem que não há um padrão de resultados que o demonstre.

Sai uma comenda para a presidente do IGCP?
A pergunta a fazer é simples: deve o Estado português especular com a sua dívida pública, ou seja, fazer uma aposta arriscada em dívida de prazos mais curtos, ou deve antes proteger-se de imprevisíveis, mas possíveis, subidas de taxas de juro?

O país em que o populismo não dá votos
O problema não está nas atitudes. Está nas condições. Se estas mudarem, as atitudes lá estarão, prontas para serem exploradas pelos populismos. E, então, pode ser que dêem votos.

Rio indignado com RTP por atribuir vitória ao PS nas europeias com base numa sondagem
Presidente do PSD participou nesta quarta-feira à noite num comício em Aveiro, onde se pronunciou sobre a sondagem da Universidade Católica que dá ao PS 33% das intenções de voto.

BE “agradece” a Passos e a Portas por se terem juntado à campanha
Em Braga, a dirigente bloquista e candidata às eleições europeias dividiram o palco e as criticas à esquerda e à direita. Enquanto Catarina Martins agradeceu o regresso dos antigos governantes, Marisa Matias mostrou-se preocupada com a aliança bizarra entre António Costa e o Presidente francês.

Se as eleições fossem sobre a Europa
Se estas eleições fossem mesmo sobre a Europa, eis as questões que gostaria de ver respondidas.

NOTÍCIAS

Jornal EXPRESSO

(c) 2014 Portal regiaonorte.net

Termos de Serviço

Privacidade