regiaonorte.net
Ilustração sobre a Localidade

Ovar

Ovar é uma cidade portuguesa, situada no Distrito de Aveiro, região Centro e sub-região do Baixo Vouga, com cerca de 17 000 habitantes.

É sede de um município com 147,70 km² de área2 e 55 398 habitantes (2011),3 4 correspondendo a uma densidade populacional de 375,1 habitantes/km², estando subdividido em 5 freguesias.5 O município é limitado a norte pelo município de Espinho, a nordeste pelo de Santa Maria da Feira, a leste pelo de Oliveira de Azeméis, a sul pelo de Estarreja e pelo da Murtosa e a oeste pelo Oceano Atlântico, que banha perto de 15 km da sua costa, contribuindo para um clima ameno e praias agradáveis.


História
Nas enciclopédias, o nome "Ovar" é um tanto ou quanto invulgar, apenas se encontrando para ele três significados: o nome desta cidade (não existe outra povoação do mesmo nome em Portugal ou em qualquer outro país); verbo transitivo (pôr ovos, criar ovos ou ovas) e verbo transitivo brasileiro (fazer ovação, aplaudir, aclamar, vitoriar) por oposição ao verbo português ovacionar. A etimologia mais popular e citada é a que deriva do verbo "ovar", dado a multidão de aves que desovavam e criavam na região.

O litoral de Ovar encontrava-se compreendido no maior segmento de costa baixa e lisa do país, mas nem sempre isso aconteceu, porque primitivamente a ria não existia e o mar avançava mais para o interior, formando uma baía. Aliás, conforme ensinam Amorim Girão, Alberto Souto e Jaime Cortesão, todos os terrenos do concelho de Ovar, a oeste da linha do caminho-de-ferro (actualmente a estação da CP de Ovar dista cerca de 5.200 metros do litoral, estando a uma altitude de 17,24 metros do nível do mar) foram domínio do mar.

A formação da Ria é contraditória, pois há quem lhe dê uma longevidade de quatro milénios, mas também quem lhe aponte os meados do século X ou mesmo XI, como início da sua sedimentação. Tudo leva a crer que, no século X, a linha da costa passava em Ovar. No entanto, o afastamento progressivo da linha da maré fez com que Ovar ficasse cada vez mais no interior, decaindo como porto de mar.

Porto salineiro e de pesca na Idade Média, é citado num documento laudatório com data de 12 de junho de 922, inserto no Livro Preto da Sé de Coimbra, tendo resultado da aglutinação de vários lugares, entre os quais a vila de Cabanões (28 de abril de 1026), São Donato (1101) e de Ovar (24 de fevereiro de 1046).

Ovar constituiu-se em Concelho desde 1251, com foral passado por Manuel I de Portugal em 10 de fevereiro de 1514.

Nos séculos XVIII e XIX destacou-se pela atividade piscatória, tendo os seus pescadores povoado grande parte do litoral português, fundado a Torreira, As Areias (São Jacinto), Espinho, e fixando-se ainda na Afurada, na Caparica, em Olhão, Paramos e no Ribatejo.

Foi fundada a 4 de Dezembro de 1811, uma das mais antigas e prestigiadas bandas do país a Banda Filarmónica Ovarense.

Foi em Ovar que Júlio Dinis redigiu "As Pupilas do Senhor Reitor" e esboçou "A Morgadinha dos Canaviais".

Por ter resistido aos monárquicos à época da chamada "Traulitânia" (1919), a vila foi agraciada com a Ordem Militar da Torre e Espada, Valor, Lealdade e Mérito.

Ovar foi elevada a cidade em 1984, pela lei n.º 9/84, de 28 de Junho.

(*) Source: Wikipedia


Find more about Weather in Coimbra, PO
Click for weather forecast


NEWSLETTER

Subscrever a newsletter:



Sair da newsletter:

ARRENDA-SE.NET

Quartos, apartamentos, casas, etc

RECADINHOS

Últimos recadinhos dos leitores:

Congratulations for the site. It is very nice to get more informations about Portugal. A beautiful country.
Matheus Smith 2016-07-30 23:39:20


RELÓGIO

Veja que horas são no mundo

NOTÍCIAS

Jornal O PÚBLICO

Um conto de Natal na cidade que é um conto de fadas
Com um dos melhores mercados natalícios da Europa, Colmar, no coração da Alsácia, é um postal de casas com fachadas de tantas cores. Bairros como a encantadora Petite Venise são admirados nesta época do ano tanto por adultos como por crianças.

A Leste da Sé de Braga com cozinha moderna e alternativa
Diverge da oferta tradicional com propostas que não escondem o gosto pela cozinha e produtos com origem italiana. Também o ambiente elegante e intimista ajudam a boa boca.

Um pote onde cabe todo o interior
Vanessa Melo pegou nos 164 municípios de baixa densidade do país para recolher os produtos regionais que lhe traziam a infância à memória. O Pote da Gula é um projecto solidário que quer diminuir as desigualdades entre o interior e o litoral. Já comprou todas as prendas de Natal?

Por este Douro acima
O leitor João Tiago Oliveira conta a sua experiência no Douro Vinhateiro.

O verdadeiro Pai Natal não precisa de barba postiça
É professor, actor e encenador e, nesta época do ano, é chamado a exercer funções de grande responsabilidade: arrancar sorrisos e gargalhadas a crianças de Norte a Sul do país. Guloso assumido, alimenta o sonho de viajar até Antália, na Turquia, terra de São Nicolau.

Ninguém sabe por que é que torradas de carcaça são injustamente preteridas mas chegou o tempo de celebrá-las
Como quase todas as carcaças são más, é preciso insistir naquelas que são feitas à mão em forno de lenha. Custam 15 cêntimos cada uma e dão duas torradas formidáveis: uma das grandes pechinchas do nosso tempo

NOTÍCIAS

Jornal EXPRESSO

(c) 2014 Portal regiaonorte.net

Termos de Serviço

Privacidade